LIVRO

LIVRO: LIVRO DE NEY PIACENTINI “O ATOR DIALÉTICO: 20 ANOS DE APRENDIZADO NA COMPANHIA DO LATÃO SERÁ LANÇADO NO TUSP

Cassiano Leonardo para o Art Por Toda Parte

SÃO PAULO: O ator e professor de teatro Ney Piacentini, que integra a Companhia do Latão desde a sua fundação em 1997, lançará no dia 28 de novembro de 2018, às 19H, o livro O ATOR DIALÉTICO: 20 anos de aprendizado na Companhia do Latão, por meio da Hucitec Editora.

Local: Teatro da Universidade de São Paulo (TUSP) – Rua Maria Antônia, 294 – Vila Buarque, São Paulo – SP, 01222-020. Telefone: (11) 3123-5202.

Na ocasião, os elencos do Latão apresentarão cenas dos seus espetáculos.

E também serão apresentadas ao público as reedições das publicações – Eugênio Kusnet: do ator ao professor (de Ney Piacentini) e de Ator e Método (um clássico de Eugênio Kusnet, com prefácio de Ney Piacentini).

Escrito durante o doutoramento de Piacentini no Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da Escola de Comunicação e Artes (ECA-USP), o texto narra o gradativo aprendizado das atrizes e atores que fizeram parte do Latão, na direção de uma interpretação dialética baseada na contradição entre os aspectos internos e externos dos personagens. Na vida, nem sempre o que se diz coincide com o que se faz (e vice-e-versa) e o intuito desse livro é apresentar por quais meios os integrantes da Companhia se apropriaram da dissociação das vias objetiva e subjetiva na atuação – provocadora da transformação dos papeis.

“Quando estávamos em relação dialógica, em que os personagens reagiam através de suas subjetividades, buscávamos a veracidade nos termos stanislavskianos. Por outro viés, se a dramaturgia nos solicitava uma atitude de narradores, interrompendo o fluxo dramático para nos dirigirmos aos espectadores, a esteira seria brechtiana (…). O Latão não se limitou a um uso estanque desses dois modos, cruzando outras possibilidades, as quais, a meu ver, contribuíram para uma atualização da atuação épico-dramática, rumo a uma contradição formal e conteudística.”

Brecht e Stanislavski foram, sem dúvida, referências, mas para um modo próprio de se humanizar ainda mais as figuras ficcionais, no qual se pode presenciar, por exemplo, o esforço de alguém corajoso ocultando o seu medo, ou de quem está triste porém tentando ser alegre ou ainda o ocultamento de um constrangimento através do desembaraço.

Trecho do prefácio de Iná Camargo Costa “O presente trabalho de Ney Piacentini, integrante do grupo desde seu primeiro esforço de aproximação com Brecht, é uma espécie de confirmação do acerto do projeto, ainda em andamento. Já o seu mestrado sobre Eugenio Kusnet (Eugenio Kusnet: do ator ao professor) indicava um interesse pela apropriação à brasileira do sistema de Stanislavski e agora temos disponível a minuciosa reconstituição dos efeitos sobre o trabalho do ator que o interesse latoniano por contradições pode produzir, iluminado tanto pelo Stanislavski das ações físicas (principalmente) quanto por Brecht, dramaturgo, diretor e teórico.”

Trecho do texto de apresentação de Maria Silvia Betti “O livro de Ney Piacentini, originalmente sua tese de doutorado defendida na ECA-USP, registra e examina a atuação dialética tal como concebida e praticada pela Companhia do Latão em seus processos formativos e criativos. O percurso relatado é fruto não só das memórias do autor e dos depoimentos tomados a outros integrantes, mas também do retrospecto de fontes bibliográficas que nortearam os debates internos nas diferentes etapas, desde a fundação do grupo, em 1997, até 2016, com a encenação de O pão e a pedra.”

SERVIÇO

Título: O ATOR DIALÉTICO: 20 anos de aprendizado na Companhia do Latão
Autor: Ney Piacentini Hucitec Editora Prefácio: Iná Camargo Costa Texto de apresentação: Maria Silvia Betti
Capa: Pedro Penafiel
Foto da capa: Sérgio de Carvalho
346 páginas
Preço: 60 reais
Contatos: Ney Piacentini – 11 972836199 (com whatsapp) / ney.piacentini@gmail.com

cassianoleonardo
Ator, Cantor, Produtor, Estudante de Arquitetura, Colunista , Proprietário do Portal Art Por Toda Parte. Participou do Coralusp (Premiado APCA), Participou de vários festivais da Cultura Inglesa. Peças de Teatro Musical , Foi Produtor de uma Premiação Paulista por 2 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *